O’Ward elogia o trabalho de pit da McLaren no Iowa GP 2: “Isso nos deu o sucesso”

Pato O’Ward aproveitou o percalço do então pioneiro Josef Newgarden e venceu o GP de Iowa 2 na noite deste domingo (24). Começando em sétimo lugar, o mexicano começou em grande forma e imediatamente estabeleceu uma boa base para si mesmo em terceiro lugar. Pato descobriu como superar o Resolve nos boxes e depois passou a liderar o pelotão com o outro acidente da Penske. O mexicano destacou o trabalho feito pela McLaren nos boxes como predominantemente responsável pelo segundo triunfo do ano.

“O trabalho nos pitstops foi fantástico, sinto que isso nos deu o triunfo. Claramente, fiz minha parte no veículo para nos proteger. Percebi que tínhamos grande velocidade, mas é extremo quando você tem muito tráfego, então cada volta é única”, disse O’Ward após a corrida oval de Iowa.

“Estou extremamente revigorado, excepcionalmente alegre, percebemos que tínhamos um veículo decente, então foi apenas uma instância de subscrição e estar lá com um timing impecável. O grupo trabalhou muito para escolher os minutos para ir aos boxes e foi extremamente agradável. Foi um final de semana extraordinário”, encerrou o mexicano, que completou a prova primária no sábado na segunda posição.

Numa oval curta de apenas 1,4 km, com voltas de cerca de 20 segundos, saber gerir o trânsito é fundamental para progredir. Este foi mais um marco significativo da corrida deste domingo, e Pato sentiu que os Rivias não estavam simplificando a vida dos que vinham atrás.

“De qualquer forma, ninguém planejou ouvir. ‘Escolha um caminho, os outros vão deixar você passar’ e negativo! Eles não poderiam se importar menos. Tudo o que você pode gerenciar nessa situação é contorná-la do seu jeito. Passamos por eles com facilidade e facilidade”, disse o piloto da McLaren.

Assim, O’Ward chegou a 367 lugares e fechou o buraco para o chefe do título, o sueco Marcus Ericsson, do Ganassi, para 36 lugares. Com apenas cinco corridas restantes na temporada da IndyCar, o mexicano está confiando que o extraordinário final de semana em Iowa efetivamente embalará o grupo na última etapa de 2022.

“Idealmente, podemos ganhar um pouco mais, isso soa fabuloso. Acho que tivemos um ano decente até agora, mas desperdiçamos dois sucessos nos últimos meses. Então, certamente, foram semanas desconcertantes, mas compensadoras também. Essa é a energia ideal que realmente queremos para agosto e setembro e, claramente, terminar julho em Indianápolis daqui a uma semana”, disse Pato.

A IndyCar retorna no próximo domingo (31), para o GP de Indianápolis 2, no circuito misto Indianapolis Engine Speedway.

Similar Posts